FANDOM


Mansão Bertinelli
Questão3
Informações Gerais
Série O Questão: O Diabo nos Detalhes
Temporada 1
Arco Corruptela
Número do Episódio 3
Sequência
Episódio Anterior Duas Faces
Episódio Seguinte Acossamento
Créditos
Escrito por NerdHero08
Mansão Bertinelli é o terceiro episódio da série O Questão: O Diabo nos Detalhes. Escrito e Desenvolvido por NerdHero08.

Sinopse Editar

Neste episódio, Charles Szasz vai até a mansão Bertinelli, com o intuito de interrogar um dos chefões do submundo criminal de Gotham City, Frank Bertinelli.

Enredo Editar

Nos Episódios Anteriores Editar

Acho que com essa máscara não são capazes de saber quem é Charles Szasz, ela pode causar medo, é o que vou fazer. Vou começar investigando Frank Bertinelli, e começo agora.

Segunda, 13 de Novembro, 2017 Editar

Como prometido, vou investigar Frank Bertinelli pessoalmente, vou atrás dele. É um homem poderoso no submundo do crime, tem uma filha com cerca de 25 anos. Fiquei sabendo que ele matou a mulher na semana passada, e ouvi boatos que o motivo foi porque ela ameaçou-o de expor suas atividades criminais para o departamento de polícia. Eu estava longe da mansão Bertinelli, onde eu tinha grandes chances de localizar Frank. Então após despedir-me de Tot tirei minha máscara, saí da casa e procurei um Táxi. Após vinte, minutos, quase a noite, achei o automóvel que procurava. Observava sobre a janela o pôr do sol. Meia-hora depois, agora no Bryantown, um bairro pouco pobre onde localiza-se minha residência, desci do carro e entrei em minha casa. Troquei de roupa, pensei que poderia ter uma espécie de uniforme quando usar esta máscara, para não notarem a semelhança de roupas. Então vesti um sobretudo azul marinho e um chapéu de mesma cor. Uma calça azul, de cor mais escura, um cinto, botas e gravata pretas, e uma camiseta básica amarela. Por último, vesti minha máscara de pseudoderme. Abaixei a aba do chapéu para ninguém ver um homem sem rosto e dei uma longa caminhada em direção ao meu destino.

Após 30 minutos de deambulação em um extremamente escuro céu, onde via as nuvens sumirem, cheguei a Bristol, um bairro de luxo onde eu podia encontrar Frank. Mas só consegui chegar a mansão Bertinelli em mais 15 minutos. Chegando então, observava o lugar. Senti cada vez mais pingos de chuva caindo contra mim, que fez com que pudesse perceber a resistência aquática da pseudoderme. Aproxime-se, então pude ampliar minha visão sobre o lugar. Era uma grande mansão, tinhas paredes de pedra palito, tetos de tijolos tingidos de azul marinho e uma porta de carvalho escuro. Tinha cerca de 150 metros de largura e dois andares, com pelo menos 5 metros cada. Abeirei-me da mansão, todavia inesperadamente, a casa estava deserta. Eu já havia passado nesta rua, sempre haviam seguranças rondando esta área. Então decidi ir pela lateral da casa, e dar uma olhada no jardim. Consegui atravessar, era extremamente estreito, com 2 metros de largura. Chegando então no quintal, fiquei aterrorizado. Uma mulher, com longos cabelos negros, pele caucasiana, vestida com roupas de couro de cor púrpura, e aparentemente uma máscara com grandes pontas, apontava uma balestra carregada em direção a um homem de meia-idade, com cabelos de mesma cor, úmidos e penteados a gel. Usava um terno acinzentado cobrindo uma gravata de cor vermelha e uma camiseta básica branca. Sapatos novos e limpos de cor marrom. Uma pele caucasiana. Cruzava as mãos e encarava a mulher no qual possivelmente mataria-o, então pude ter certeza que era Frank Bertinelli. Cerca de 10 homens apontavam armas para a mascarada, ela estava consideravelmente em desvantagem. Largou a balestra, vi a mesma colocando as mãos na máscara, e lentamente, retirando-a. Todos abaixaram suas armas e Frank arregalou os olhos e ficou boquiaberto. Acredito que a mascarada era ninguém menos que... Sua filha. Explicaria toda a drama local. Aproveitou a distração de seus oponentes, pegou a balestra e correu para longe, ninguém atreveu-se a persegui-la. Desde então, decidi recuar, para repensar minhas estratégias. Nunca posso agir sem pensar, isso pode me dar uma chance contra Bertinelli e Mandrágora.


Personagens Editar

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.