FANDOM


O Retorno dos Vingadores, Parte Um
Episódio 1 Avengers
Informações Gerais
Série Os Vingadores: Heróis Unidos
Temporada
Arco A Cabala
Número do Episódio 1
Sequência
Episódio Anterior N/A
Episódio Seguinte O Retorno dos Vingadores, Parte Dois
Créditos
Escrito por Espadachim das Sombras
O Retorno dos Vingadores, Parte Um é o primeiro episódio da primeira temporada de Os Vingadores: Heróis Unidos. Foi lançado dia 29 de Dezembro de 2017.

SinopseEditar

Durante muito tempo a equipe dos Vingadores esteve separada, porém, de repente o Caveira Vermelha retorna junto de M.O.D.O.K, Attuma, Loki, Doutor Destino e Duende Verde, em uma equipe chamada de Cabala. A Cabala ataca o Capitão América, que sem condição de deter todos os vilões é obrigado a chamar o Homem de Ferro, o Hulk, o Thor, o Gavião Arqueiro, o Homem-Formiga, a Viúva Negra e o Falcão.

EnredoEditar

Alguns meses tinham se passado desde que os Vingadores, os super-heróis mais poderosos da Terra tinham se separado. Pra ser mais específico faziam cinco meses desde o fim da equipe. O motivo? De alguma forma agora o mundo estava em paz. O índice de criminalidade estava muito baixo, não haviam mais ameaças super-poderosas e assim a existência da equipe não era mais tão necessária. Após um debate entre os membros acabou que eles se separaram, porém mantiveram a amizade.

Cada um seguiu com a sua vida e com as suas profissões, e fazia algum tempo que eles não se comunicavam entre si. A última reunião da ex-equipe como amigos tinha sido há mais ou menos um mês, e desde aquele dia que eles não se viam. Steve Rogers, o Capitão América, planejava convidar seus amigos e ex-parceiros pra mais um encontro, porém, aquilo não aconteceria tão cedo. Após um desentendimento com Nick Fury, Steve acabou saindo da S.H.I.E.L.D e entrando na força policial de Manhattan.

As ameaças super-poderosas podiam até não existir mais, porém ainda aconteciam alguns assaltos pela cidade, mas não eram necessários super-heróis para impedir aquilo, apenas os policiais já eram suficientes. No momento Steve Rogers estava fazendo uma ronda sozinho, em cima de sua moto, vestindo a farda da polícia e tudo mais, pra ver se algum crime estava acontecendo pela cidade.

Enquanto ele fazia aquilo, porém, um grupo de vilões estava em um prédio super acabado da cidade, que estava praticamente aos pedaços. Eles estavam sentados ao redor de uma mesa, com uma das pontas da mesa estando ocupadas. Lá estava sentado um dos maiores inimigos do Capitão América, o Caveira Vermelha. Ele estava do jeito de sempre, porém usando uma armadura negra com alguns detalhes brancos. Haviam outros cinco vilões ao redor da mesa: M.O.D.O.K, Attuma, Loki, Doutor Destino e Duende Verde. M.O.D.O.K era o único a não estar sentado, sendo que ele flutuava e não precisava daquilo.

— O que quer conosco, Caveira? — Perguntou o Loki, olhando impaciente para o Caveira Vermelha.

— Chamei vocês aqui para fazê-los uma proposta — Respondeu o Caveira Vermelha.

— E qual seria ela? — Perguntou M.O.D.O.K — Ande logo, Caveira, não estou com muita paciência.

— Eu sei que todos vocês odeiam os Vingadores, e é justamente por isso que poderíamos nos unir para acabar com eles — Sugeriu o Caveira Vermelha.

— Você não sabe que eles estão separados há cinco meses? — Perguntou o Doutor Destino.

— Claro que eu sei, e é justamente por isso que seria mais fácil acabarmos com eles. Agora que eles não estão mais unidos podemos sair matando um por um — Respondeu o Caveira.

— E o que eu ganharia me aliando a você, Caveira? — Perguntou o Attuma.

— Poder — Respondeu o Caveira — Quando matarmos os Vingadores não haverá ninguém que poderá fazer frente a gente, não se estivermos unidos. Assim poderemos dominar o mundo e futuramente, o universo.

— Poder... É uma boa proposta, mas todos nós ganharíamos o poder que tanto queremos? — Perguntou o Duende Verde.

— Sim, claro — Respondeu o Caveira Vermelha.

— E quem seria o líder da equipe? — Perguntou M.O.D.O.K.

— Eu, afinal, quem chamou cada um de vocês até aqui e teve a ideia da criação dessa equipe? É justo que eu seja o líder, mas quando matarmos os Vingadores repartirei o poder para cada um de vocês. O que me dizem? — O Caveira respondeu o seu "aliado" fazendo outra pergunta.

— Eu aceito entrar com uma condição: Quando matarmos os Vingadores, toda a tecnologia da S.H.I.E.L.D se tornará minha — Disse M.O.D.O.K.

— Eu só aceito se puder afundar algum estado e aumentar o meu reino — Respondeu Attuma.

— Só aceito se eu puder matar meu irmão Thor — Respondeu Loki.

— Eu aceito, contanto que os territórios de Latveria possam aumentar — Disse o Doutor Destino.

— E eu só aceito se puder dominar Nova York — Respondeu o Duende Verde.

— Vocês ganharão tudo isso quando vencermos os Vingadores — Respondeu o Caveira Vermelha — Então, aceitam se juntar a mim?

— Sim — Alguns responderam verbalmente, outros apenas balançaram a cabeça de forma positiva.

— E qual seria o nome de nossa equipe? — Perguntou M.O.D.O.K.

— A Cabala — Respondeu o Caveira Vermelha — Agora, mais alguma pergunta?

— Sim — Disse o Loki.

— Qual? — Perguntou o Caveira Vermelha.

— Quando agiremos? — Perguntou o deus Nórdico.

— Hoje, agora — Respondeu o Caveira Vermelha.

— Temos algum plano? — Perguntou o Duende Verde.

— Sim. Vamos atacar a cidade para atrair algum herói. Eles podem ter se separado, mas não vão virar as costas para a cidade, o senso de heroismo deles não permite. E não importa quantos apareçam, iremos acabar com todos... — Respondeu o Caveira Vermelha, sorrindo de forma cruel.

O horário de ronda de Steve tinha acabado, e agora ele poderia retornar para a sua casa. Era justamente isso que ele estava fazendo. Steve tinha comprado uma casa no centro de Manhattan. Faltavam poucos quilômetros pra chegar em sua casa, mais ou menos quatro ou cinco, ou seja, cerca de meia hora. Ele seguiu seu caminho, e enquanto isso a Cabala andava pela cidade. Os mais perto dele eram o Caveira Vermelha (cuja armadura permitia que ele voasse), Loki (que havia se transformado em uma águia), o M.O.D.O.K e o Duende Verde (que estava em cima de seu planador). Doutor Destino e Attuma vinham andado. A questão era que a Cabala não fazia ideia de que Steve era o Capitão América.

— Podemos começar a atacar, Caveira? — Perguntou o Duende, que parecia ansioso.

— Claro, quanto mais cedo melhor — Respondeu o Caveira Vermelha.

— Então é hora da diversão — Comentou o Duende Verde.

Duende Verde segurava duas bombas em forma de abóbora em suas mãos, e após receber a permissão de seu líder jogou ambas em direção a um prédio que estava bem ao lado de Steve. O prédio foi atingido e uma explosão ocorreu, com vários pedaços de concreto indo em direção ao ex-herói, que olhou pra cima, viu os pedaços de concreto se aproximando e se jogou para longe da moto, caindo com tudo no chão mas esquivando. Ele realmente não estava entendendo nada do que acontecia e olhou para cima, confuso. Foi aí que ele viu os quatro vilões e seu coração acelerou.

Caveira, M.O.D.O.K, Duende Verde e... Por que uma águia está acompanhando eles? — Pensou Steve — Vou correr pra casa e pedir ajuda, não consigo derrotar eles três sozinhos.

Após pensar nisso Steve começou a correr o mais rápido que podia. O trânsito tinha parado com o ataque do Duende Verde. Da pedra acima de sua testa, M.O.D.O.K lançou um raio vermelho que atingiu com tudo um prédio. O mesmo tremeu antes de cair, com vários pedaços de concreto atingindo carros e motos. Steve precisava chegar em sua casa logo antes que a situação piorasse mais ainda.

Felizmente, Steve era rápido e ágil, o que permitiu que ele chegasse a sua casa em menos de meia hora. Ele abriu a porta com agressividade e correu para o seu quarto. Em sua mesa de cabeceira, ao lado da cama, estava seu celular, que ele pegou, desbloqueou a tela e usou pra entrar em sua lista de contatos. O primeiro contato que ele procurou foi o de Tony Stark. Pelo visto Steve teria que reunir os Vingadores mais cedo que o normal, e não seria pra um encontro de amigos, e sim para deter aqueles três vilões. Mas será que seriam necessários todos os Vingadores para enfrentar apenas três vilões? Porém Steve raciocinou e pensou que poderiam haver mais inimigos que aqueles três, então era melhor não arriscar e chamar todos os Vingadores logo. Ele ligou para Tony.

— Alô? — Perguntou o bilionário assim que atendeu a ligação, algo que demorou um pouco.

— Tony, estamos com problemas! — Exclamou Steve.

— O que foi? — Perguntou Tony.

— O centro da cidade está sendo atacado pelo Caveira, pelo M.O.D.O.K e pelo Duende Verde. Precisamos fazer alguma coisa — Respondeu Steve.

— Você está brincando, não é? — Perguntou Tony, soltando uma risada em seguida — Não é uma boa hora pra piadas, Steve.

— Não estou brincando, Tony, acha mesmo que eu brincaria com uma coisa dessa? — Respondeu Steve.

— É, realmente não faz seu estilo... — Comentou Tony — Mas o que eles querem atacando a cidade assim, do nada? Holofotes?

— Não é hora de pensar no motivo, e sim nas soluções — Retrucou Steve — Contate os outros, eu vou vestir a minha roupa de herói e tentar conter a situação temporariamente, mas por favor, não demore. Não tenho como lidar com três vilões.

— Vou contatar os outros, mas leve o seu celular, por favor, no caso de eu precisar me comunicar com você — Pediu Tony.

— Okay — Disse Steve — Desligando.

E após falar isso o herói desligou seu celular, guardou o mesmo e correu em direção a seu guarda-roupa. Ele abriu o mesmo e a primeira coisa que viu foi seu uniforme de herói. Steve suspirou, pegou o uniforme e não demorou muito para vestir o mesmo. Faziam cinco meses que Steve não se vestia como Capitão América e aquilo o deu uma sensação de nostalgia. Após botar a sua máscara ele se agachou e tirou seu escudo debaixo da cama, aonde costumava esconder o mesmo. Agora ele estava vestido como herói, e para não chamar a atenção de quem passasse pela rua saiu de casa pela porta dos fundos e se dirigiu até onde tinha sido atacado pelos três vilões.

O Capitão não precisou ir até lá porque os vilões continuavam a avançar e atacaram a mesma rua em que ele estava. O herói ficou surpreso ao ver o Doutor Destino e o Attuma junto deles. O primeiro a ver o Capitão América foi o Caveira Vermelha, que sorriu de forma cruel.

— Mas olhem quem está aqui, o Capitão América... O primeiro Vingador vai ser o primeiro que mataremos — Comentou o vilão.

— Montou a sua própria equipe de vilões, Caveira? — Perguntou o Capitão América — M.O.D.O.K, Duende Verde, Doutor Destino, Attuma... Essa águia faz parte da sua equipe também?

De repente, a águia começou a brilhar e mudar de forma, até que logo se transformou no Loki, que flutuou calmamente até o chão. Ao pisar lá ele simplesmente começou a rir.

— Onde está o meu irmão, Capitão? — Perguntou Loki — Ele não vai se juntar a festa?

— Ah, claro que vai, ele deve estar chegando em breve — Retrucou o Capitão — A propósito, todos os outros estão chegando, e quando isso acontecer vai ser o fim pra vocês.

— Seria uma pena se eles chegassem apenas após a sua morte... — Comentou o Duende Verde.

— Eu sei bem segurar as pontas — Retrucou o Capitão América.

— Isso é o que veremos — Retrucou o Caveira Vermelha.

E então o Capitão América lançou seu escudo em direção ao Caveira Vermelha, que simplesmente esquivou voando mais pra cima. O escudo voltou para seu dono, que saiu correndo em direção ao Attuma. O M.O.D.O.K lançou um raio da sua testa. Capitão América soltou para trás, esquivando. Loki saiu correndo em sua direção e tentou socá-lo, mas ele se defendeu com seu escudo. Mesmo assim o Capitão foi lançado para trás, afinal, Loki tinha uma força sobre-humana.

Duende Verde lançou mais duas bombas em forma de abóbora. Uma caiu aos pés do Capitão América e outra em seu escudo. Ambas explodiram, jogando o herói para trás. Ele caiu com tudo no chão mas não largou o seu escudo. Os vilões rapidamente cercaram ele, e quando o mesmo se levantou, se viu cercado.

— Pensei que você duraria mais, Capitão — Ironizou o Caveira Vermelha.

— E quem disse que eu já fui derrotado? — Perguntou o herói, se levantando.

O Capitão atingiu o rosto do Caveira com o seu escudo, fazendo o mesmo cambalear para trás. Loki e Attuma tentaram atingi-lo, mas o herói saltou, fazendo os dois vilões baterem cabeça com cabeça. No ar o Capitão se virou pra o M.O.D.O.K e lançou seu escudo na direção do mesmo. O vilão lançou um raio de sua testa, que rebateu o escudo, fazendo o mesmo atingir o peito do herói, que caiu no chão, atrás do Caveira Vermelha.

O Caveira imediatamente se virou para o seu arqui-inimigo, que deu um soco em sua cara e em seguida um escorão, o jogando para trás. O Doutor Destino lançou uma rajada de poder da palma de sua mão, mas o Capitão América se defendeu usando seu escudo e em seguida jogou o mesmo, que atingiu o peito do Doutor Destino e fez ele cambalear para trás. Antes que seu escudo retornasse, porém, o Capitão foi atingido bem no peito por um raio do M.O.D.O.K, que fez ele bater com tudo em um prédio e cair no chão.

— Achou mesmo que poderia vencer de nós, Capitão América? — Perguntou o Caveira Vermelha, pisando no herói — Você será o primeiro Vingador a morrer, e depois disso, os outros irão morrendo pouco a pouco... É o fim da era dos heróis.

— Pra falar a verdade, ela acaba de retornar a seu auge, Caveira — Disse uma voz um pouco abafada que os vilões conheciam bem.

— O quê? — Perguntou o Caveira Vermelha, olhando para a sua esquerda e tendo a pior visão de seu dia.

O Homem de Ferro tinha acabado de chegar, e ele não estava sozinho. Hulk, Thor, Gavião Arqueiro, Homem-Formiga, Viúva Negra e Falcão estavam junto dele, os Vingadores finalmente estavam reunidos mais uma vez. O Gavião Arqueiro estava apontando uma flecha para o Caveira Vermelha.

— Então o resto dos patetas chegaram — Comentou Attuma.

— Quem diria que você viria também, irmão? — Ironizou Loki.

— Eu sou um Vingador, Loki, e além do mais, não podia deixar vocês fazer o que quiserem — Retrucou Thor.

— Podemos atacar logo ou vamos ficar de papinho, Tony? — Perguntou o Gavião Arqueiro.

— Ah, claro, claro, ataquem — Permitiu o Homem de Ferro — Vamos começar a bagunça.

O Gavião Arqueiro sorriu e lançou a sua flecha, que bateu no peito do Caveira Vermelha e explodiu, o fazendo cambalear para trás e cair no chão. O Capitão América se levantou com certo esforço e se preparou pra sair correndo em direção aos seus parceiros, porém o Caveira Vermelha logo se recuperou e saiu correndo em sua direção. O Homem de Ferro lançou um raio de sua mão esquerda e atingiu o peito do Caveira Vermelha, que dessa vez caiu com tudo no chão. O Capitão América se juntou a seus amigos.

— É, depois de tanto tempo, finalmente estamos unidos como heróis — Comentou o Capitão América.

— E o que vamos fazer agora? — Perguntou o Falcão.

— Agora nós vamos acabar com eles. Depois disso... Bem, podemos reconsiderar nos unirmos definitivamente — Respondeu o Homem de Ferro.

— Era só isso que eu queria ouvir — Brincou o Falcão.

PersonagensEditar

VIlõesEditar

CuriosidadesEditar

  • Foi o primeiro capítulo da fanfic.
  • Se passa no dia 7 de Janeiro de 2018.
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.